Morhan Nacional:

Curupaiti será palco de reunião sobre projeto da história dos Hospitais-Colônia   Nos próximos dias 9, 10 e 11 de março, o Hospital Colônia de Curupaiti abre suas portas para a primeira reunião do Projeto Global sobre a História da Hanseníase, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde e com apoio do Ministério da Saúde. Representado no Brasil pela médica, pesquisadora e voluntária do MORHAN Lavínia Schüler-Faccini (Universidade Federal do Rio Grande Do Sul) e pelo Coordenador Nacional do MORHAN Artur Custódio, o Projeto é uma iniciativa da Associação Internacional contra a Hanseníase (utilizando os fundos da Nippon Foundation pela OMS) e a Wellcome Unit for the History of Medicine da Universidade de Oxford. Está sendo desenvolvido um banco de dados sobre a hanseníase em todo o mundo, como uma ferramenta de trabalho para pesquisadores que estejam interessados na história pré-moderna e moderna da hanseníase, a partir de 1847, quando Danielssen e Boeck publicaram Om Spedalskhed. Este banco de dados também será interessante para pessoas ligadas à hanseníase e seus efeitos. Participarão também do evento o IPHAM/ Ministério da Cultura, representantes de Hospitais-Colônia da Argentina e Colômbia. "As coleções mencionadas no banco de dados englobam uma ampla gama de arquivos organizacionais, políticos, científicos e médicos bem como registros de leprosários, museus e bibliotecas. Também estão incluídas coleções particulares de pessoas que trabalharam na área e coleções de depoimentos de pessoas afetadas pela doença. O projeto não tem nenhum desses registros em seu poder, mas fornece informações sobre sua existência e localização. Ao mesmo tempo em que o banco de dados oferece um caminho para pesquisadores, o projeto busca tanto encorajar a conservação dos arquivos, quanto estabelecer uma rede de pesquisadores", diz a Dra. Lavínia. Nesta etapa do projeto, se fará um levantamento dos acervos históricos disponíveis nos antigos hospitais-colônia do Brasil, sob a coordenação do MORHAN. O objetivo imediato é fazer o levantamento historiográfico de documentos relativos à história dos antigos hospitais-colônia do Brasil, compilando um banco de dados de acesso disponível a todos os interessados na história da hanseníase.
Compartilhe: