Morhan Nacional:

As obras de reforma e restauração da Colônia Antônio Diogo, em Redenção (Rua Irmã Augusta, nº 120), que dedica-se ao tratamento da hanseníase, e da Colônia Antônio Justa, que cumpre a mesma função em Maracanaú, serão inauguradas nesta quinta-feira (10), às 9 horas, pelo secretário da Saúde do Estado, Jurandi Frutuoso. A solenidade de entrega das obras dos dois equipamentos será realizada na Colônia Antônio Diogo, marcando o aniversário de 78 anos daquela unidade, fundada em 9 de agosto de 1928. As obras de restauração dos dois equipamentos receberam, juntas, R$ 400 mil em investimentos, provenientes de parceria entre a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) e o Ministério da Saúde. Nas duas colônias, o telhado foi todo restaurado, as paredes ganharam pintura nova, as instalações elétricas e hidráulicas foram renovadas. Na Colônia Antônio Diogo também foi restaurado o Teatro Raul Barbosa. Segundo Adília Machado, diretora da Colônia Antônio Diogo, está foi a maior reforma já realizada naquele unidade, nos últimos 26 anos. As reformas, proporcionarão melhorias não só às condições de vida dos habitantes das duas unidades, mas também às condições de trabalho dos funcionários. Na Antônio Diogo, tem gente que já mora há 70 anos. É o caso de Francisca de Oliveira e Isabel Baraúna, ambas com mais de 90 anos de idade. Como muitos outros, apesar da alta médica, elas não retornaram para casa porque perderam o vínculo com as famílias e, com seqüelas deixadas pela hanseníase, ficaram impossibilitadas de trabalhar.
Compartilhe: